Last.fm lança serviço gratuito de streaming de música

A Last.fm (comprada em 2007 pela CBS por 140 milhões de libras) lançou hoje uma nova versão do seu serviço gratuito de música. Ao contrário do passado, em que a opção por uma banda ou uma música nem sempre nos permitia ouvir a faixa que procurávamos, é agora possível ouvir exactamente a música pretendida e álbuns integralmente.

Limitações: só funciona em streaming através do browser; só podemos ouvir a mesma música três vezes durante o período de beta; e é necessário estar nos EUA, Reino Unido (esta é para mim) ou na Alemanha.

Neste momento estão disponíveis artistas dos catálogos das majors EMI, Sony BMG, Universal e Warner, bem assim como artistas e editoras independentes. O pagamento da música será feito directamente às editoras e aos artistas (independentes, claro) através do habitual modelo das receitas publicitárias. Enquanto a música está a ser ouvida, podemos comprar o CD/MP3 directamente da Amazon ou da 7Digital.com através de botões cuidadosamente colocados. (itálico não inocente)

Não resulta claro o que acontecerá depois de findo o período de beta, pois aparentemente a Last.fm disponibilizará um serviço de subscrição proximamente. Para mim, o conceito de subscrição implica o pagamento regular de quantias a alguém. O que me leva à conclusão de que quando isso ocorrer, lá se vai a música gratuita e resumindo o lançamento de hoje a uma operação de marketing.

Então porquê lançar agora este serviço?

Honrando umas devidas explicações, lembram-se do meu post sobre novidades para 2008? Há movimentações dos grandes tubarões do mercado musical para modificar o panorama da música online durante 2008. Envolvendo, entre outros, a nossa fruta favorita e um dos mais conhecidos sites da apelidada Web 2.0.

A Last.fm limitou-se a jogar na antecipação em relação ao(s) seu(s) rivai(s) e aproveitar alguma azia existente nas majors depois de mais um ano com as vendas de CDs em queda.

Explore posts in the same categories: Uncategorized

3 comentários em “Last.fm lança serviço gratuito de streaming de música”


  1. Não resulta claro o que acontecerá depois de findo o período de beta, pois aparentemente a Last.fm disponibilizará um serviço de subscrição proximamente. Para mim, o conceito de subscrição implica o pagamento regular de quantias a alguém. O que me leva à conclusão de que quando isso ocorrer, lá se vai a música gratuita e resumindo o lançamento de hoje a uma operação de marketing.

    A audição de faixas integrais é limitada a 3 audições por faixa, a partir das quais não mais será possível àquele utilizador ouvir aquela faixa. Para os subscritores (que paguem a tal quantia regular), esta limitação não existe.

  2. Pedro Says:

    Mas o modelo de subscrição ainda não foi lançado, pelo que o serviço disponível para já está limitado às três audições.

  3. ajax Says:

    É preciso não esquecer que a “revolução digital” ainda mal começou. Movimentações na forma como “vender” livros, música, filmes, livros, jornais, revistas, etc, não se esgotará tão cedo. Tudo será experimentado e caberá ao mercado optar por aquele, ou aqueles, que lhe sejam mais favoráveis.

    Nos últimos dias o aluguer de filmes foi muito badalado, especialmente pelo facto da Apple ter entrado no “negócio”. Mas há algo que ainda falta perceber. Haverá mercado? Em Portugal temos um dos mais inovadores serviços 3-play, mas gostava de saber quantos terão “alugado” filmes usando o serviço Meo e com que frequência? O meu caso não deve contar para a estatística, porque apesar de ter sido um dos pioneiros devo dizer que NUNCA aluguei um filme pelo MEO, talvez porque não tenha tempo para os visionar. Para já o negócio está na música e nas séries de TV, porque para o resto a sociedade não tem tempo.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: