Disco externo travestido de Moleskine

Acho piada à capacidade do ser humano de transformar objectos corriqueiros em verdadeiras obras de arte. Por exemplo, um disco externo de 2.5" e um caderno Moleskine. Pessoalmente, adoro os Moleskine e faço boa parte dos meus resumos para a tese num Moleskine antes de os passar a limpo para o OmniOutliner.

Moleskine é Moleskine, têm o seu quê de especial que ninguém saberá explicar. Será o papel, será o toque da capa, será o elástico que prende o bloco? Possivelmente terão sido estas as questões que levaram o espanhol Sebastian Dalmont a transformar (assassinar será melhor o termo) um belo Moleskine numa caixa externa para um disco rígido.

O resultado final é uma obra de arte.

Faz-me lembrar que tenho um disco IDE de 2.5" de 2GB pendurado algures na minha casa de Lisboa e sem nenhuma utilidade prática de momento.

Explore posts in the same categories: Uncategorized

2 comentários em “Disco externo travestido de Moleskine”

  1. Madril Says:

    Ainda se fosse >40Gb compensava estragar o caderno, agora 2Gb não dá pra nada😀

  2. Sr. Tobias Says:

    A Fnac tem uns discos de 40gb já dentro de umas caixinhas usb todas maneirinhas. 50€ (+/-)


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: